Sábado, 31 de Outubro de 2009

 

Os oceanos dão vida ao nosso planeta e a nós. Em todo o mundo, as pessoas dependem do peixe como fonte de alimento e de rendimento. Mas nas últimas décadas percebemos que o que podemos tirar do mar tem limite.

tópicos / topics: , , ,

publicado por Carlos Palmeiro às 23:35 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Palestra do Prof. Dick Vane-Wright proferida no âmbito do ciclo de conferências dos 200 anos de Darwin (Cátedra Rui Nabeiro). Mais informações aqui.



publicado por Carlos Palmeiro às 23:27 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Quinta-feira, 29 de Outubro de 2009

tópicos / topics: ,

publicado por Carlos Palmeiro às 23:26 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

“Numa organização do Instituto Politécnico de Beja, com a colaboração da Universitat des Isles Balears, de Espanha, vai decorrer em Beja, no próximo dia 6 de Novembro, um Seminário Internacional de Direito do Turismo.

Centrado nas disciplinas jurídicas do alojamento em Portugal e Espanha, o referido seminário irá contar com a participação de alguns dos mais conhecidos especialistas no domínio do Direito Privado do Turismo de Espanha e de Portugal, nomeadamente: José Ángel Torres Lana, María Nélida Tur Faúndez, Antonia Paniza Fullana e María Belén Ferrer Tapia, da Universitat des Isles Balears; Verónica San Julián, da Universidad de Navarra; Virgílio Machado, João Almeida Vidal e Afonso Ribeiro Café, da Universidade do Algarve e ainda Manuel David Masseno, do Instituto Politécnico de Beja.
Contando com o apoio da SIDETUR (Sociedade Ibero-Americana de Direito do Turismo), o seminário terá lugar no Anfiteatro da Escola Superior Agrária de Beja, pelas 14h30. A entrada é livre e os assistentes terão direito a um certificado de participação”.
Informação Turisver

tópicos / topics: , ,

publicado por Carlos Palmeiro às 08:20 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Terça-feira, 27 de Outubro de 2009

O ambiente na encruzinhada. Por um futuro sustentável

O Ambiente na Encruzilhada. Por um futuro sustentável
Conferência Gulbenkian 2009, de 27 a 28 de Outubro, das 9h30 às 18h00 (Auditório 2, entrada Livre).
Transmissão online em directo aqui.
Descarregar aqui as comunicações/documentos da conferência.


publicado por Carlos Palmeiro às 16:22 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Organização Mundial de Turismo

A Organização Mundial de Turismo (OMT) é uma agência especializada das Nações Unidas e a principal organização internacional no campo do turismo. Funciona como um fórum global para questões de políticas turísticas e como fonte de conhecimento prático sobre o turismo.
De acordo com o preâmbulo do Código Mundial Ética do Turismo da Organização Mundial do Turismo (OMT):
"Afirmamos o direito ao turismo e à liberdade das deslocações turísticas; Expressamos a nossa vontade em promover uma ordem turística mundial, equitativa, responsável e sustentável, em benefício partilhado de todos os sectores da sociedade, num contexto de uma economia internacional aberta e liberalizada, e proclamamos solenemente com esse objectivo os princípios do Código Mundial de Ética do Turismo."
Descarregar/ler código mundial “Ética do Turismo” da OMT em Português e em Inglês.


publicado por Carlos Palmeiro às 14:39 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Estoril Film Festival 2009

O Estoril Film Festival, com esta sua terceira edição, torna-se uma referência incontornável no panorama dos festivais internacionais e pretende, mais uma vez, celebrar o Cinema como verdadeira Sétima Arte, confrontando o seu passado, o seu presente e futuro e a sua relação permanente com as outras formas de expressão artística.
Pretende ser um ponto de encontro entre o público, realizadores, conceituadas personalidades do mundo das artes e um palco permanente de discussão, reflexão, debate e, acima de tudo, um espaço onde se descubra ou redescubra a Arte Cinematográfica.
Através das diversas secções – Em Competição; Fora de Competição, com a presença de grandes realizadores e actores internacionais; Retrospectivas; Homenagens; Master Classes; Encontro Anual dos Distribuidores Europeus; Encontro das principais Escolas de Cinema Europeias; Cineastas Raros; CinemArt – os artistas e a arte cinematográfica; O Cinema e a Sua História; Exposições; Concerto - esperamos contribuir, definitivamente, para que o Estoril seja um ponto de encontro para o público, para os profissionais de cinema, jornalistas e para todos aqueles que esperam desfrutar das actividades propostas e enriquecer a sua ligação ao Cinema.

tópicos / topics: , , ,

publicado por Carlos Palmeiro às 09:53 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

10ª Mostra Gastronómica de Arraiolos


tópicos / topics: , ,

publicado por Carlos Palmeiro às 09:51 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Segunda-feira, 26 de Outubro de 2009

 

A Greenpeace está a divulgar o vídeo “O Fundo da Linha” para alertar para a destruição causada pela pesca de profundidade em águas internacionais. Este vídeo conta com o apoio de Sigourney Weaver e insta os governos de todo o mundo a adoptar medidas concretas e urgentes para defender a vida marinha que se esconde nas profundezas dos oceanos. Entra em acção em www.greenpeace.pt.

 


tópicos / topics: , ,

publicado por Carlos Palmeiro às 21:54 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Vista sobre a cidade velha de Tallin a partir da colina de Toompea

Vista sobre a cidade velha de Tallin a partir da colina de Toompea
Raekoja Plats, centro da cidade velha de Tallinn
Raekoja Plats, centro da cidade velha de Tallinn
Tallinn, com o seu centro histórico saído de um conto de fadas, surge-nos uma cidade que transpira história pelos poros, respirando, simultaneamente, vanguarda e modernismo através da sua arquitectura, da gastronomia contemporânea, da aposta na tecnologia e da presença de numerosos hotéis de qualidade internacional. Tallinn é a capital da Estónia, país independente desde 1992 após a queda da União Soviética (1989), que ocupou o território durante 52 anos, distando de Helsínquia algumas horas, numa travessia de 80 quilómetros através do Golfo da Finlândia que pode, e deve, ser feita a bordo de um dos numerosos ferryboats ou cruzeiros que realizam ligações, nomeadamente a partir da capital finlandesa. A chegada ao porto da cidade, localizado no centro de uma bela enseada, permite uma primeira, e romântica, contemplação das magníficas torres das igrejas medievais da parte velha. Com os pés em terra é notória a atracção exercida pela parte antiga de Tallinn. Na praça central da “cidade velha”, a Raekoja Plats, sede da Câmara Municipal, é onde tudo começa e onde quase tudo acontece, e a partir daqui Tallinn, uma das mais belas jóias medievais do Báltico, revela-se irresistível.
Os motivos de interesse turístico de Tallinn são muitos, nomeadamente a sua parte antiga, que se desenvolveu sobretudo entre os anos de 1400 a 1700, um verdadeiro museu vivo. Numerosas ruelas retorcidas flanqueadas por casas medievais, uma muralha de dois quilómetros e meio com vinte e seis torres defensivas, igrejas seculares, o magnífico castelo de Toompea, dos séculos XIII e XIV, e ainda bairros com casas tradicionais de madeira, como os de Lillekula e Kalamaja.
Um dos passeios a não perder tem inicio no Toompark, junto à estação ferroviária de Tallinn. O passeio consiste na “escalada” da colina de Toompea, que tem a melhor vista panorâmica sobre a cidade antiga. Daqui avistamos as torres aguçadas das igrejas e das torres. O Golfo avista-se ao fundo, por entre telhados e frondosas árvores.
A arrebatadora Tallinn espelha ao mesmo tempo o passado e o futuro e mostra-nos a ambição de um povo que galopa no sentido do desenvolvimento, da excelência e da modernidade saboreando aqui e ali o doce sabor da história e das suas raízes ancestrais.
Proposta para viajar… a realização do circuito das três cidades do Báltico (ver crónicas de viagem parte 1, parte 2 e parte 3) é relativamente acessível, contrariando a ideia de que os destinos turísticos nórdicos são por norma dispendiosos, logo inacessíveis ao cidadão comum. Se dispõe de maior desafogo financeiro vá a uma agência de viagens e reserve com maior comodidade programas pré-definidos por diversos operadores ou peça um circuito à “sua medida”. Se não goza de desafogo financeiro reserve você mesmo pela internet antecipadamente e recorde-se, quanto mais cedo reservar o seu voo, os cruzeiros e o alojamento melhores preços garantirá.
O voo mais económico para chegar ao “país do pai natal” (a Lapónia, região no norte da Finlândia, é conhecida como a morada da lendária figura natalícia) é operado pela TAP (www.flytap.pt) e realiza a rota Lisboa-Helsínquia-Lisboa diariamente. Uma vez na Finlândia viaje do aeroporto para o centro de Helsínquia em autocarro (linha 615). A partir da Finlândia realize um cruzeiro de duas noites e um dia Helsínquia-Estocolmo-Helsínquia, regressado de Estocolmo aproveite e faça logo a ligação, também por barco, a Tallinn, num cruzeiro Helsínquia-Tallinn-Helsínquia. Reserve, por exemplo, pela Nordictur (www.nordictur.pt), representante para Portugal da empresa de cruzeiros Viking Line, uma das mais importantes a operar no Báltico, através deste mesmo operador reserve os alojamentos e usufrua de melhores preços.
Para mais informações sobre as cidades consulte os sítios oficiais do turismo na internet (em inglês e castelhano): Helsínquia, www.visithelsinki.fi; Estocolmo, beta.stockholmtown.com; Tallinn, www.tourism.tallinn.ee.
Por Carlos Palmeiro (Agosto de 2009)


publicado por Carlos Palmeiro às 21:20 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Real Academia Sueca das Ciências e Museu Nobel, cidade velha de Estocolmo

Real Academia Sueca das Ciências e Museu Nobel, cidade velha de Estocolmo
Palácio Real, cidade velha de Estocolmo
Palácio Real, cidade velha de Estocolmo
Estocolmo é conhecida por ser uma das capitais mais belas do mundo, uma “cidade entre pontes” edificada sobre 14 ilhas, repleta de canais, barcos maravilhosos, castelos e palácios, formando um cenário distinto de princesas e príncipes. A melhor forma de chegar à cidade é por barco, a partir de Helsínquia por exemplo, permitindo vislumbrar a cada momento belíssimas ilhas, que formam um vasto arquipélago, repletas de edifícios de rara beleza e imponência arquitectónica. Com 750 anos de história e uma vida cultural fervilhante, Estocolmo oferece inúmeros museus e pontos de interesse turístico de categoria mundial, destacando-se a arquitectura que se notabiliza pela sua riqueza e diversidade de estilos. Os suecos revelam-se, tal como os finlandeses, um povo muito hospitaleiro, e que vive o período estival com desmedido e contagiante entusiasmo. De entre as várias zonas de interesse da cidade de Estocolmo destaca-se a zona histórica, a Gamla Stan (cidade velha), ilha que se caracteriza por ser um dos núcleos urbanos medievais melhor conservados do mundo. Edifícios históricos, igrejas de vários estilos e arquitecturas aqui se concentram, como a Catedral (Storkyrkan). E porque a Suécia é uma “terra de contos de fadas”, na medida que possui uma família real vigente, destaca-se o Palácio Real (Kungliga Slottet), um espaço repleto de bom gosto. Toda a ilha está carregada de carisma, composta por ruas e ruelas medievais, cheias de recantos que convidam à divagação. Na ilha encontram-se também numerosas áreas comerciais instaladas nos edifícios medievais: livrarias, cafés, restaurantes, antiquários… muitos dos estabelecimentos conservam ainda o espírito e as tradições ancestrais. A Gamla Stan delimita o fim de Estocolmo, cidade soberba e ao mesmo tempo bucólica, sendo o cenário ideal para terminar a descoberta da Capital da Escandinávia.
Por Carlos Palmeiro (Agosto de 2009)

tópicos / topics: , , ,

publicado por Carlos Palmeiro às 21:02 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

XXXV Congresso Nacional APAVT


tópicos / topics: ,

publicado por Carlos Palmeiro às 20:40 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Scientific Electronic Library Online

O acesso adequado e actualizado à informação técnico-científica é essencial para o desenvolvimento económico e social, especialmente para apoiar os processos de tomada de decisão no planeamento, formulação e aplicação de políticas públicas ou para apoiar o desenvolvimento e a prática profissional. O resultado da pesquisa científica é comunicado e validado principalmente através da publicação em periódicos científicos. Esse processo é válido para os países desenvolvidos ou em desenvolvimento. Ainda assim, os periódicos científicos dos países em desenvolvimento enfrentam graves barreiras de distribuição e disseminação, o que limita o acesso e o uso da informação científica gerada localmente.
SciELO - Scientific Electronic Library Online (Biblioteca Científica Electrónica em Linha) é um modelo para a publicação electrónica cooperativa de periódicos científicos na Internet. Especialmente desenvolvido para responder às necessidades da comunicação científica nos países em desenvolvimento e particularmente na América Latina e Caribe, o modelo proporciona uma solução eficiente para assegurar a visibilidade e o acesso universal à sua literatura científica, contribuindo para a superação do fenómeno conhecido como “ciência perdida”.
http://www.scielo.org (SciELO Internacional) / http://www.scielo.oces.mctes.pt (SciELO Portugal).

tópicos / topics: ,

publicado por Carlos Palmeiro às 13:48 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Skyscanner

“Este site é uma verdadeira pérola da pesquisa. A partir do Skyscanner pode conhecer todos os voos low cost que saem de Portugal. Não adie mais a escapadela romântica ou aquela semana de férias que tinha planeado num qualquer país europeu ou numa das nossas ilhas. E também lhe mostra as viagens mais baratas a partir de outros países”.

tópicos / topics: , ,

publicado por Carlos Palmeiro às 13:15 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Realizou-se no final do mês Setembro, no Centro de Congressos do Estoril, a Glocal 2009, conferência nacional sobre a Agenda 21 Local. Organizada pela Câmara Municipal de Cascais, a Agenda Cascais 21 e o Grupo de Estudos Ambientais da Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa, o encontro abordou o tema "Pensar Global, Agir Local".

A iniciativa reuniu as Agendas 21 locais de Portugal e teve como objectivos: Reflectir sobre o modo como está a ser exercida a democracia participativa nos municípios portugueses; Fazer um balanço das actividades realizadas no âmbito da Agenda 21 Local (A21L); Lançar as bases para uma futura rede nacional de A21L, que articulará e reforçará todo o processo, consolidando a sua actuação em Portugal e na Europa; Abordar os temas do orçamento participativo, pegada ecológica e responsabilidade social.
A conferência destinou-se aos políticos e técnicos do poder local, regional e central, colaboradores de organizações não-governamentais, universidades, empresas e outras entidades empenhadas na sustentabilidade ao nível local.
Parceiros para a realização do evento: ABAE Associação Bandeira Azul da Europa; ANIMAR Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Local; ANMP Associação Nacional de Municípios Portugueses; APA Agência Portuguesa do Ambiente; APEA Associação Portuguesa de Engenharia do Ambiente; APEE Associação Portuguesa de Ética Empresarial; CIVM Comunidade Intermunicipal do Vale do Minho; CNADS Conselho Nacional do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; ICLEI Local Governments for Sustainability; INETI Instituto Nacional de Engenharia, Tecnologia e Inovação; Plataforma Portuguesa das Organizações Não Governamentais para Desenvolvimento.
Descarregue as comunicações da conferência através das seguintes ligações:
Participação pública no Processo de Planeamento Urbano e Mobilidade
Cynthia Nikitin - PPS Tools & Techniques for Public Engagement in Place Making
Mário Alves - Participação Pública - Mobilidade e Planeamento Urbano
Onde estamos?
Aristides Leitão (CNADS) - Desafios globais às comunidades locais
Marta Pinto (ESB / UCP) - Agenda 21 Local em Portugal: ponto de situação
Isabel Lico (APA) - Guia A21L: uma proposta metodológica
Para onde queremos ir?
Wolfgang Teubner (ICLEI) - Da Agenda 21 à Acção: a experiência europeia em A21L
Emilio D'alessio (Rede Italiana de Agenda 21 Local)- Trabalhar em rede
José Archer (ABAE) - ECO XXI: avaliação da sustentabilidade
Como lá chegar?
Pedro Macedo (ESB / UCP): Rede Nacional da Agenda 21 Local
Cristina Rocha (INETI): Formação em Agenda 21 Local
Margarida Gomes (ABAE): A21L na Escola - a vertente pedagógica
Carlos Carreiras (C.M. Cascais): A sustentabilidade enquanto desígnio político
Timothy O'Riordan
Governança e Sustentabilidade
Sustentabilidade nas Autarquias
A caminho da sustentabilidade I
José Freitas (Min. Ambiente Brasil): Avaliação da implementação da Agenda 21 Local no Brasil
A caminho da sustentabilidade II
Célia Laranjeira (C.M. Águeda): Agenda 21 Águeda
Nelson Dias (Associação in Loco): Orçamento Participativo
Leonel Silva e Marília Lúcio (C.M. Loulé): Agenda 21 Loulé
Grupos de Trabalho / Casos de Estudo
Vera Neves (C.M. S. João Madeira): Agenda 21 Local S. João Madeira
Vânia Pimentel (C.M. Ponta Delgada): A 1ª Agenda XXI do Arquipélago dos Açores
Joana Oliveira (LIPOR): Implementação da Agenda 21 Local nas freguesias dos Municípios associados da LIPOR
Como medir, como avaliar?
Sónia Silva (Serviços Engenharia Ambiental e Prevenção Laboral): O caminho da sustentabilidade... como avaliar
Cecília Delgado (Fac. Arquitectura da UTL): Será a participação pública um instrumento de legitimação das decisões políticas?
Agenda 21 Local e Sustentabilidade
Sandra Valente (Centro Estudos do Ambiente e do Mar): Participação pública para o desenvolvimento sustentável de Oliveira do Bairro
Helena Ferreira: Iniciativas regionais na procura da sustentabilidade
Cristina Garret e Maria de Lurdes Rosa Peora (C.M. Oeiras): Oeiras 21 +: o segundo ciclo da estratégioa local de sustentabilidade

 



publicado por Carlos Palmeiro às 08:42 | ligação ao artigo / link to the article | comentar / comment | partilhar / share

Naturgift, by the nature… ecoturismo, turismo de natureza e turismo de aventura (Naturgift Agência de Animação Turística, brevemente em www.naturgift.pt / www.naturgift.com):

artigos recentes / recents articles

Evento: 1º Congresso Inte...

Vídeo: Alerta interior

Filme Promocional do Turi...

Projectos: “Dar a Volta”…...

Ciência: Nova Revista Cie...

Teatro: "Auto da Índia" d...

Birdwatching: Festival de...

27 de Setembro: Dia Mundi...

Evento: Vinhos do Alentej...

Evento: Marquês DownTunne...

Evento: Queer Lisboa, Fes...

Evento: Festival Jazz (Ca...

Evento Global da Indústri...

Gulbenkian Música 10/11: ...

Festival: Douro Film Harv...

Vídeo: Dia Mundial do Tur...

Evento: Jornadas Europeia...

Evento: Sempre a Abrir! 4...

Conferência: Gestão do Es...

Fotografia

Conferência: GIRA 2010, G...

Notícia: Faltam alimentos...

Projecto: Novos Povoadore...

Documentário: Grande Tour...

Palestra: O Lado B de Par...

Informação: Rota do Guadi...

Evento: Ooutjazz, Cinco M...

Evento: Mostra Internacio...

Vídeos: Canal "Espírito D...

Evento: Portas Abertas do...

Evento: 16º Campeonato da...

Viagem: Bacalhau de Bicic...

Vídeo: Algarve, O Segredo...

Seminário: Algarve, Camin...

Portalegre: Passeios pelo...

Exposição: Tauromaquia de...

Música: Jazz em Agosto

Evento: OBSERVANATURA 201...

BTT: Nissan Lisboa DownTo...

Evento Multicultural: Mer...

Festival: Marionetas e Fo...

Prémio: 5ª Edição Prémio ...

BTT: Nissan Titan Desert,...

Vídeo: Stephen Wolfram......

Fotografia: Paris 26 Giga...

Notícia: Oh Eun-sun, a pr...

Voos: Ryanair, 3 milhões ...

Expedição: Leiria - Shang...

Local: Parque de Natureza...

Notícia: Alentejo quer af...

tópicos / topics

açores(4)

aeroporto(3)

áfrica(4)

alentejo(24)

algarve(9)

alpinismo(4)

ambiente(11)

arquitectura(3)

arte(7)

artes plásticas(3)

aventura(6)

aves(3)

aviação(8)

biodiversidade(6)

birdwatching(3)

btt(7)

ciência(5)

cinema(10)

clima(7)

comboio(3)

concurso(3)

conferência(20)

congresso(6)

cop-15(3)

copenhaga(3)

corrida(3)

coruche(18)

crónica de viagem(5)

cultura(3)

desenvolvimento local(5)

desenvolvimento sustentável(6)

design(3)

documentário(3)

douro(3)

economia(6)

ecoturismo(3)

educação(5)

empreendedorismo(4)

ensino(3)

ensino superior(4)

estocolmo(3)

europa(8)

evento(58)

eventos(3)

évora(6)

expedições(3)

exposição(11)

feira(4)

feiras(5)

ferramentas(4)

festivais(7)

festival(8)

finlândia(3)

floresta(4)

formação(5)

fotografia(14)

futuro(5)

gastronomia(24)

guias(3)

helsínquia(3)

hotelaria(5)

informação(59)

inovação(3)

investigação(3)

istambul(3)

jazz(4)

joão garcia(3)

lisboa(27)

madeira(5)

marketing(4)

marrocos(4)

mundo(9)

museu(5)

música(8)

natureza(5)

nomad(4)

notícia(4)

omt(4)

opinião(4)

património(14)

planeta(4)

porto(4)

portugal(24)

projecto(6)

proposta(7)

quercus(4)

ryanair(4)

seminário(7)

solidariedade(4)

sustentabilidade(11)

teatro(4)

turismo(43)

turismo de portugal(6)

turismo social(5)

turismo sustentável(4)

universidade(5)

viagens(26)

viajante(4)

viajantes(6)

vídeo(20)

todas as tags

arquivo / file

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

comentários recentes / recent comments
Legal, já chegaram à metade do caminho em 3 meses
Infelizmente todos os rios de Portugal se estão...
Fantastico, Adorei
Olá, estou a estudar Português e eu aconteceram em...
Já conhece as 12 Aldeias Históricas de Portugal? N...
Que poster mais feio!
Olá Paula... obrigado... espero que continues a vi...
Sim, parece-me muito útil, considerando a lógica a...
Isso é útil!
Viva colega universitário.Quero desde já, dar os p...

Destaques / Highlights

Dossier BTT / MTB dossier

Canais Web 2.0 / Channel Web 2.0

ligações / links